13 de janeiro de 2010

Governo reajusta seguro-desemprego em 9,67%



O Codefat (Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador) reajustou em 9,67% o valor base das parcelas do seguro-desemprego. Com isso, a parcela mínima acompanha o reajuste do salário mínimo, de R$ 465 para R$ 510, e a máxima passa de R$ 870,01 para R$ 954,21.

A decisão foi publicada no "Diário Oficial da União". Os novos valores valerão a partir de 1º de janeiro.

O seguro-desemprego é concedido em no máximo cinco parcelas a trabalhadores que foram demitidos sem justa causa. É preciso comprovar vínculo empregatício de, no mínimo, seis meses.
Postar um comentário
Copyright © 2010 Revista Virtual All rights reserved.
Wp Theme by RaphaelAlves. Blogger Template by Ph