2 de junho de 2009

Jornalista do Legacy questiona controle aéreo por desaparecimento de avião

Joe Sharkey faz perguntas para controladores de voo brasileiros.
Ele estava no jato que colidiu com voo da Gol em acidente de 2006.




O jornalista norte-americano Joe Sharkey, que estava no jato Legacy que colidiu com o voo da Gol que caiu na selva brasileira em 2006, publicou um texto em seu blog nesta terça-feira (2) questionando a responsabilidade do controle aéreo brasileiro pelo desaparecimento do Airbus da Air France que ia do Rio de Janeiro a Paris com 228 pessoas a bordo. Em um texto intitulado “Questões que pedem respostas”, ele elenca seis perguntas acerca do trabalho dos controladores aéreos do Brasil. “Quem? O quê? Quando? Onde? Por quê?”, resume.




1 – O controle de tráfego aéreo brasileiro perdeu este voo de seu radar quando deveria tê-lo no radar? 2 – Se sim, quando os controladores perceberam isso? 3 – Os controladores brasileiros sabiam que havia tempestades monstruosas no caminho do voo na última vez que dizem que tiveram contato com o avião? 4 – Por que o fracasso de um contato rotineiro de rádio quatro horas após o início do voo não disparou um alarme? 5 – O último contato por radar foi pouco mais de três horas após o início do voo. Quanto tempo depois disso o vôo continua em espaço aéreo brasileiro? 6- Quantos controladores de tráfego aéreo estavam seguindo o voo?”, diz o texto publicado.

Veja o blog de Joe Sharkey, em inglês

A Associação de Controladores de Tráfego Aéreo do Rio de Janeiro informou mais cedo que o desaparecimento do Airbus não foi provocado por possíveis falhas dos controladores de voo do Recife. Segundo ela, a possibilidade de algum destes profissionais ser investigado é praticamente nula e a participação dos controladores de voo na ocorrência com o Airbus seguiu todos os protocolos de segurança.

O comando da Aeronáutica também evita responsabilizar os controladores e informou que os controladores de voo do Cindacta 3 que trabalhavam na hora do desaparecimento do Airbus na noite de domingo (31) não foram afastados das suas funções e continuam trabalhando normalmente.

Sharkey alega que o controle de tráfego aéreo brasileiro e as comunicações por rádio e radar da aviação brasileira já demonstraram falhas fatais no passado e pergunta se não deveria haver uma pessoa que pelo menos soubesse onde o avião estava na hora em que ele sumiu. Segundo ele, é estranho que não tenha havido pedido de socorro por parte do voo da Air France, e seria importante perguntar ainda se este socorro não foi ouvido ou se foi ignorado.

Ataques
Em um texto anterior, publicado na segunda-feira (1º) para relatar o desaparecimento da aeronave, Sharkey já mencionava os conotroladores de voo do Brasil de forma crítica: “No passado, já houve questões levantadas no Brasil sobre a adequação da comunicação por rádio e radar do controle de tráfego aéreo brasileiro em áreas remotas, incluindo a Amazônia.”

Sharkey estava no jato Legacy que se chocou com o Boeing 737 da Gol em 29 de outubro de 2006. Após o choque entre os dois aviões, o Boeing com 155 pessoas caiu no norte do Mato Grosso e não houve sobreviventes. O Legacy pousou na base áerea da Serra do Cachimbo, no sul do Pará. Os dois tripulantes e cinco passageiros saíram ilesos do acidente.

Ele foi alvo de uma ação dos advogados da viúva de uma das vítimas do acidente, que alegam que ele teria influência na mídia e teria lançado uma campanha em seu blog na internet em prol dos pilotos do jatinho, Joe Lepore e Jan Paladino. O objetivo do jornalista, ainda de acordo com os advogados da viúva, seria o de comover a população dos EUA a impedir o retorno dos pilotos ao Brasil.

O blog de Sharkey também critica o governo brasileiro em relação ao controle do espaço aéreo após o acidente com o voo da TAM no aeroporto de Congonhas, em São Paulo, em julho de 2007. Ele assumia um tom mais agressivo em relação a Lula e à forma como o governo vem reagindo aos problemas no setor aéreo.

























Postar um comentário
Copyright © 2010 Revista Virtual All rights reserved.
Wp Theme by RaphaelAlves. Blogger Template by Ph