6 de março de 2009

Universal e YouTube trabalham em site de clipes

Segundo informações dadas por três fontes não identificadas à Reuters, a Universal, maior gravadora do mundo, e o YouTube, site de vídeos número um do planeta, discutem a criação de um site de videoclipes, tratado provisoriamente com o nome "Vevo".

O serviço, que representaria um importante passo nos planos do Google para que o YouTube gere renda, seria também uma mudança na tumultuada relação do site de vídeos com o setor da mídia, que em várias ocasiões pede que ele retire videoclipes e trechos de programas de TV colocados por usuários sem consentimento dos seus proprietários.

O “Vevo” traria conteúdo musical "premium" e fontes alternativas de faturamento, como a venda de ingressos para shows e produtos, disseram as fontes. Não há informações sobre os detalhes financeiros e administrativos, visto que, segundo as fontes, as negociações "literalmente acabaram de começar".

Negociações com gravadoras

Ainda de acordo com as fontes, o “Vevo” também incluiria vídeos de outras grandes gravadoras, como Sony, EMI e Warner, que receberiam uma parte do faturamento publicitário associado a vídeos do YouTube, bem como um fixo por cada execução.

No entanto, foi dito por uma das fontes que a negociação entre YouTube e Universal para um site envolvendo todas as grandes gravadoras está suspensa por causa dos desentendimentos entre o site de vídeos e a Warner.

Em dezembro, a Warner exigiu que o YouTube retirasse do site todos os vídeos dos seus artistas, depois do rompimento de negociações entre as partes.

O atual contrato de licenciamento da Warner com o YouTube expira no final do mês, e um novo contrato deve valer para abril. A EMI também está negociando a renovação com o YouTube, o mesmo que a Sony fez em fevereiro.
Postar um comentário
Copyright © 2010 Revista Virtual All rights reserved.
Wp Theme by RaphaelAlves. Blogger Template by Ph